Dwar7s : Winter

Depois de um Outono onde os anões fortificaram seus reinos chegou o Inverno, e agora eles precisam trabalhar juntos para sobreviver aos desastres dessa estação e ao incessante ataque de criaturas dispostas a destruir tudo que foi construído… mas além de se protegerem, os anões também competem para saber quem ajuda mais nessa empreitada.

Ambientado no mesmo universo do Dwar7s : Outono, Dwar7s : Winter está fazendo sucesso no kickstarter lá fora e tivemos a oportunidade de jogá-lo, via Tabletopia, com o grande Luis Brueh, que assina o design do jogo e a arte.

Diferente da “estação” anterior, no Dwar7s : Winter, os jogadores precisam durar 7 rodadas sofrendo constantes ataques e desastres que não podem ficar se acumulando ou todos perdem.

 Pelo Tabletopia a mesa fica cheia de informação.

Em cada rodada temos quatro fases distintas, na primeira temos as desgraças aparecendo, primeiro os monstros que estão no tabuleiro se movem, depois um novo monstro aparece e por fim abrimos mais um desastre que precisa ser contornado.

Depois temos a fase de preparação, onde escolhemos sete cartas para serem usadas naquele turno.

Todos os jogadores começam com as mesmas, mas conforme o jogo avança podemos comprar novas cartas e trabalhar melhor com as possibilidades.

As miniaturas que virão na produção final.

Na fase 3, os jogadores finalmente agem contra as ameaças. Nessa fase os jogadores tem 5 pontos de ação para gastar podendo colocar anões no tabuleiro, movê-los, comprar cartas de herói (para serem usadas em rodadas posteriores) e tocar uma música.

Esse pra mim é o grande diferencial do jogo, todas as cartas tem habilidades, e elas só serão ativadas caso os jogadores toquem seus instrumentos, então você tem um espaço no tabuleiro com quatro instrumentos distintos, o jogador escolhe um deles, e à partir do jogador ativo TODOS resolvem as cartas daquele instrumento.

E fazer com que as cartas rodem é muito importante, pois é a forma que você tem para conseguir materiais e mover seus anões sem gastar pontos de ação, coisas que são extremamente importantes para conseguirmos vencer os desafios do tabuleiro.

 As cartas são importantíssimas para conseguirmos ter êxito.

O jogo avança rodada por rodada, sempre checando se existe algum monstro ativo no Castelo ou se o número de desastres é igual ao número de jogadores +2 (nesses caso todos perdem), se conseguirmos chegar ao final da sétima rodada vivos, os jogadores contam seus pontos conseguidos durante a partida e quem tiver a pontuação maior vence.

Dwar7s : Winter ainda está em campanha, mas promete ter a produção mais caprichada entre todos do Luis, com miniaturas que seguem a linda arte do jogo, e dos três que eu já joguei do autor foi o que eu gostei mais e está disponível no Tabletopia para ser jogado.

Conforme as desgraças vão entrando, mas a coisa fica feia.

Blog de Origem: E aí, tem jogo? – A sua página sobre jogos de tabuleiro moderno.
Link: http://ift.tt/2Cu3fba
Autor: Carlos “Cacá”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s