RSS

Arquivo da categoria: Mundo do Tabuleiro

STB, teste com a regra da iniciativa.

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

STB, Sistema Tático de Batalha, faz muito que trabalho nesse sistema, mas só recentemente adotei a regra da iniciativa.  Primeiro vamos esclarecer um ponto, o que é a iniciativa num jogo de guerra?

Para quem jogo Tide of Iron, o  assunto é bem conhecido, basicamente, a iniciativa dita quem joga por primeiro. O jogador deve lançar um dado e obter o valor requerido, digamos por exemplo quatro. Este valor pode ser diferente para os jogadores, quando a assimetria, simula por exemplo o melhor comando de um exército em relação ao outro.

Uma vez obtido sucesso na iniciativa, o jogador poderá atacar ou mover com um dos seus grupos de combate.
Desta forma o nível tático é ressaltado, visto ser decisão do jogador, onde atuar por primeiro em meio ao cenário do combate que esta inserido. Para reforçar ainda mais as  condições táticas, a regra “atacar primeiro para depois mover”, faz o jogador pensar sobre onde e quando agir e expor ou não unidades na batalha.

Vale lembrar, que se o jogador inicial ao buscar a iniciativa, (ditada na ordem de batalha do cenário), não obter a sucesso, passa a vez para o jogador oponente. Esta situação pode resultar em ações decisivas nos confrontos travados, visto que o jogador, poderá resolver uma situação de combate antes que o jogador oponente possa fazer a mesma coisa, ou seja!….quem “for mais rápido no gatilho”, mas melhor, simula a indecisão do comando para executar uma ação.

Os testes realizados com o mecanismo da iniciativa agradaram muito, ainda mais que ajudou a resolver um problema. A ideia é este sistema (STB), ser usado em jogos de qualquer época, dai a decisão de sua utilização, ao testar em jogos onde o tema são as batalhas com tropas em linha, caso do Tuiuti, napoleônicos entre outros. Certas táticas não ficaram bem refletidas, simuladas, a exemplo cargas de cavalaria, com a iniciativa, isto foi resolvido.

Simulação de ataque da cavalaria ao flanco, exposto por conta 
de espaços abertos na linha, em função da iniciativa.

É possível por exemplo, pensar e executar cargas devastadores pela retaguarda ou flanco, com sensível efeito na simulação deste tipo der ação, uma vez que pode facilmente ocorrer a exposição das unidades do oponente.

Bom é isso ai, estão rolando diversos testes, alguns até drásticos, mas na certa o grande ganho para o sistema foi a iniciativa. Hora dessas passo em algum dos eventos com jogos de guerra, e vamos ver como fica.

Abraço!

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2pOPVL8
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 22/04/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

Estante do Yanker, conhece?

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

Hobby….”uma atividade praticada por prazer, nos momentos livres”.

Na minha opinião toda pessoa deveria ter um hobby, lógico cada um faz o que quer, mas deveria ter. Lá no Estante do Yanker é assim, um espaço para colecionadores de miniaturas, dai tudo que tenha haver com colecionáveis. Uma coisa leva a outra,  os caras de lá, tem também um pé no universo de Tolkien.  Dá uma olhada lá, vai achar muita coisa interessante.

As diferenças não são grandes, o povo lá, não é diferente do povo daqui, afinal nós também temos nossas coleções, aqui são jogos de tabuleiros, porque queira ou não, todo jogador de tabuleiro, acaba montando sua coleção, com aqueles jogos que mais lhe agradam.

Foi nessa que fui convidado, fins de 2016, para prestar uma entrevista para o blog, Estante do Yanker,, falar um pouco sobre o nosso hobby, um pouco sobre jogos, sobre meu blog, sobre o mercado de jogos e a criação de jogos.

Dá uma conferida, espero que gostem, clique aqui!

Abraço!

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2nWvXdb
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 08/04/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

Março, é do Clube Péricles.

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

É isso ai, não foi esquecido não! 
A nove anos o Clube Péricles de  Jogos de Tabuleiro 
foi fundado na extinta Ilha do Tabuleiro, 
era um dos muitos clubes que surgiram no ótimo espaço 
que era a Ilha. 
Nesse meio tempo, ou seja nos últimos nove anos, 
muita gente chegou, jogou, passou e foi pela vida, 
confesso nem lembrar  quantos. 
Partidas são inúmeras, assim como jogos jogados. 
Na certeza apenas, que sempre o grupo se refaz, 
sempre aparecem caras novas, e continuamos aqui,
 incentivando e prestigiando bons amigos, 
jogos de tabuleiros e lógico cerveja.
Fica então meus parabéns a todos os Periclinianos, 
que desde 2008, quando começamos essa brincadeira, 
até os dias de hoje, 
estão sempre ai a participar e renovar o nosso hobby.
 E que venham mais jogos e bons momentos.
Grande Abraço! 

Parabéns, agora são 9 anos.

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2n31gpN
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13/03/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

Novidade em Joinville, A Guarnição.

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

Olá pessoal, tudo bom?
Essa é para o povo de Joinville e região. A Guarnição, é agora um novo espaço para o pessoal ligado a jogos de tabuleiros e RPG,
o melhor abriu hoje.

Quem tomou a frente do negócio é o Igor, um cara tranquilo, boa gente que desde que conheceu o mundo dos jogos, há alguns anos, pensou em montar algo do gênero e chegou lá.
O Espaço ainda é modesto, mas já conta com diversas mesas espaçosas,  que podem ser ocupadas ao alugar jogos ou miniaturas para as partidas de RPG de mesa.

Pretende ampliar o acervo de jogos para aluguel e compra, conta com algum material da Galápagos, e muitas miniaturas, na linha fantasia.
No momento oportuno, fala em campeonato de Catan, capitaneado pelo Felipe Asa, e bem provavelmente de outros jogos, desde que, com bastante aceite entre o povo gamer.

A loja é situada na R. Ministro Calógeras, próximo ao cruzamento com a Av Jucelino Kubischek. Vai oferecer, em outro momento espaço guormet, mas como disse o próprio Igor, “tudo a seu tempo”.

Ta ai o recado!, vá lá conhecer o espaço.
Gosto de apoiar estas iniciativas, afinal começar é difícil e toda ajuda na certa é bem vinda.

Vide ai mais algumas imagens que fiz.

Abraço!

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2khLVfw
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11/02/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

Itaipa-Wars 2017, como foi?

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

Fiz a chamada para este evento em dezembro passado, agora a pouco conversei com o Gerson Monteiro ( Ludobellun), um dos organizadores junto com seu Francisco, mostrou-se feliz com o resultado.
Como os jogos de guerra, não são lá a preferência nacional, poucos e pequenos grupos espalhados pelo Brasil, é que realmente fazem acontecer. É uma iniciativa para divulgar os jogos, conhecer pessoas ligadas ao estilo, não diferente do que os jogadores de outros jogos fazem. A grande diferença é que são jogos de guerra, e não adianta insistir. A conversa do pessoal é sobre jogos de guerra, história militar e tudo que de alguma forma esta relacionado com este assunto.

Alguns dos participantes, o Gerson Monteiro esta no centro, o senhor baixinho é meu amigo Francisco do Soldatino Brasiliano.

O local, foi mais que adequado, muito bom.

Primeiramente, falou nesse estilo de jogo, jogos de guerra, deparamos com alguns esteriótipos gravados na memória coletiva:

1-são jogos demorados;
2-são jogos com muitas regras;
3-tem que conhecer assuntos relacionados a guerra;
4-além de clichês pé no saco, típico dos bostinhas do  politicamente correto, “sou contra a guerra”.

Bom ai digo:

1-sim, tem jogos bem demorados, mas também há jogos onde as partidas, não duram mais que muitos  eurogames.
2-sim, tem muitas regras, mas também muitos jogos de guerra, permitem o aprendizado gradual, acrescentado novos conjuntos de regras, e assim aprofundado o mergulho do jogador sobre o  assunto.
3-verdade, é bom, mas aprender é parte do pacote em todo jogo, euro ou wargame;
4-ninguém que gosta de jogos de guerra que eu conheço, quer declarar guerra, ou deseja isso, são pessoas que apenas gostam de  jogos que exigem algo a mais em tática, estratégia e conhecimento, simples, só isso.

Agora voltando ao assunto, Itaipa-Wars, contou com poucos presentes, mas em aproximadamente 48 hrs de jogatina, disputaram diversas partidas de diferentes jogos de guerra, observe ai:

-MBT
-Andean Abyss
-Warfighter
-For the People
-A Distan Plain
-Objective Kiev(C3I)
-Peleliu
-Labyrinth
-Normandy 44
-The Defense of Lwow

Fica claro que o pessoal teve muito trabalho (força de expressão), mas principalmente muita diversão , sem poder deixar de lado a tática e a estratégia. Alguns dos jogos listados, são uma soma de jogos de guerra e geo política, caso do Labyrinth e o Andean Abyss, recomendo, é jogo tenso. Outros mais leves como o Kiev e o Defence of Lwow, bons jogos para quem quer começar a se aventurar com esse tipo de jogo, e não podiam faltar os táticos,  como o MBT, ou seja enfrentamento com carros de combate, ai sim, o jogador precisa de preferência ter algum conhecimento a mais sobre o assunto. Por conta disso, já fica claro que os jogos de guerra, são sim uma boa opção de jogos, e não necessariamente, o cidadão precisa ser um militar para joga-los.

De básico, afinal é assim em todo grupo de jogo, nem todos participantes conhecem todos os jogos, mas de ante mão, um dos jogadores já conhecia o jogo que ia a mesa, para ensinar os demais e tornar o tempo de aprendizado menor e mais proveitoso.

Bom cidadão, fica o convite para participar dos próximos eventos, do Itaipa-Wars, ou outros que possam surgir,  que sei que vão acontecer.

Há muito a ser feito, para mudar este cenário, quebre o paradigma,  experimente jogar e mudar sua ideia e imagem sobre os jogos de guerra. Tenho certeza que muito jogador, vai encontrar neles bons jogos. Digo isso, porque esse segmento é muito pequeno, embora os jogos na certa estão entre os melhores.

Agora essa é para os WARGAMERS, por conta dos fatores acima mencionados, também de impressões que coli nos anos de vivência no meio dos jogos de tabuleiros, aquela imagem de jogos complexos, que as pessoas tem sobre os jogos de guerra, cabe a você mudar.
Digo isso por conta do que vejo aqui no blog, ou quando era moderador lá na Ilha do Tabuleiro. Sempre que o assunto era ou é  relacionado a jogos de guerra, em geral há muita procura por informações, muito acesso é verificado,  há muita curiosidade e disso se deduz, que também há muitos interessados.
Então SENHOR WARGAMER  desça do pedestal (não se sinta ofendido), seja SIMPÁTICO E RECEPTIVO com o potencial novo jogador, para que ele volte, para que ele passe a se aprofundar no assunto, que é vasto. É assim que se fez e faz com os outros jogos (não wargames), afinal no fim todos vão ganhar, você, o novato, o mercado. Os eventos vão crescer, iniciativas vão pipocar e é esse, só esse o objetivo final.

Abrigado!

Grande Abraço!

E que venham mais eventos sobre jogos de guerra.

Nota: imagens gentilmente cedidas pelo Gerson Monteiro, que também contribuiu com informações e relatos sobre o evento em geral.

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2kNzwRg
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30/01/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

Que tal jogar xadrez com blindados.

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

Olha esse, para quem gosta de jogar xadrez e também gosta dos carros de combate, é uma ideia interessante, quem sabe caberia um tabuleiro mais caracterizado, imitando uma estepe.

Muito bacana! quem sabe inspire alguém.

Fonte Solitaire Wargames

Abraço!

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2jD6C6t
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16/01/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,

2 – Novidades 2017

Get The Crestock Daily Free Stock Photo Here

Continuando com as novidades de 2017…

4- N: The Napoleonic Wars

Autor Ben Madison

Comporta 1 jogador ( solitário)
Tempo de duração da Partida 60 a 240 minutos
Idade Sugerida a partir dos 12 anos

Jogos napoleônicos não são novidade, tanto que existe no BGG, até uma categoria específica.
Neste jogo a proposta é focada nas coalizões, o lado político, as ações da Grã Bretanha contra a França napoleônica. Cada rodada representa dois anos na linha do tempo, e o objetivo é forçar Napoleão abdicar do trono, por conta de derrotas militares.
Por não ser de fato um jogo puro de guerra, pode ser uma opção interessante para uma gama maior de jogadores, as tramas, a política, são instigantes.

5- Sub Terra


Autor Tim Pinder

Comporta 1a 6 jogadores (olha ai opção solitário)
Tempo de duração da Partida 45a 90 minutos
Idade Sugerida a partir dos 10 anos

Jogo cooperativo, tipo dungeon, onde a ideia é escapar da caverna, cercado de toda sorte de perigos relacionados a exploração das mesmas e algo a mais. Cada jogador tem capacidades individuais, e devem saber usar estes poderes, para que em conjunto possam escapar de seu destino terrível nas profundezas da Terra.
Normalmente não gosto dos jogos do estilo dungoen, mas neste caso a proposta parece ser mais degustável, é pagar para ver.

6- Hotshots


Autor Jstin De Witt

Comporta 1 a 4 jogadores (outra opção solitário)
Tempo de duração da Partida 60 minutos
Idade Sugerida a partir dos 10 anos

Outro jogo cooperativo, no qual os jogadores com capacidades individuais, devem operar como um time para enfrentar incêndios florestais.Os dados criam o elemento aleatório que vai formando o cenário, enquanto os jogadores devem tomar decisões para resolver as seguidas crises provocadas pelo incêndio florestal.
Confesso que gostei do tema, da modularidade, da aleatoriedade dos dados, parece um opção deveras interessante.

Fonte: BGG

Link para publicação similar – 1- Novidades 2017

Fica a dica!

Blog de Origem: Mundo do Tabuleiro
Link: http://ift.tt/2iuvjQP
Autor: Hermes

 
Deixe um comentário

Publicado por em 15/01/2017 em Mundo do Tabuleiro

 

Tags: , , ,